domingo, 27 de junho de 2010

Lá está ela

Lá está ela,me esperando na janela,
nunca vi imagem mais bela.
Vou correndo lhe abraçar.

Ela é a minha doce amada,
minha eterna namorada,
minha noite de luar.

Seus olhos brilham mais que as estrelas,
nunca vi tanta beleza.
Eu não sei nem explicar.

Quero abraçar o seu corpo por inteiro,
nesse romance verdadeiro.
Os seus lábios vou beijar.

Trouxe-lhe,rosas amarelas,
para ela enfeitar a sua janela.
Para quando eu chegar.

Eu a amo de paixão,
entrego à ela o meu coração.
Dela nunca vou me separar.


Miranda de Moura
Publicado no Recanto das Letras em 19/02/2009
Código do texto: T1447938

Nenhum comentário: